Grupo Meios

Abalos

Abalos é sobre estado de vulnerabilidade. É sobre as inquietudes do presente. É sobre assumir estado abalado em um presente impossível de ser ignorado. Abalos é uma reflexão sobre o tempo. Que tempos. É sobre a vontade de retornar, de buscar outras ancestralidades, e se contradizer. São fluxos constantes, são tentativas, são manifestos. Como copos transbordando. Querendo abalar e estar vivo. O que fazer com o que fizeram de você?

Ficha Técnica

direção

Julia Gil

concepção, coreografia, interpretação e filmagem

Julia Gil, Amanda Gouveia e Fagner Santos

trilha sonora

Eduardo Politzer

edição

André Rumjanek

produção executiva

Andreia Pimentel

Portfolio

prêmio

Cultura Presente nas Redes SECERJ

exibição

Movie Rio CCBB Rj, Brasil

exibição

FOCA 2021: Programa de Fomento à Cultura Carioca Arena Dicró, Rio de Janeiro, RJ